Buscar

Prefeitos da Baixada ignoram Estado e adotarão medidas de flexibilização da zona laranja

COMUNICADO - CONDESB

Em reunião realizada na tarde desta terça-feira (3), os prefeitos das nove cidades da Baida Santista decidiram, por unanimidade, seguir o resultado apontado pelo sistema de monitoramento do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Baixada Santista (Condesb), já apresentado ao Governo do Estado, que comprova que as avaliações de taxas de capacidade hospitalar e avanço do contágio por coronavírus nos municípios enquadram a região na zona laranja do Plano São Paulo - etapa que dá autonomia às prefeituras para implementarem seus respectivos planos municipais de retomada gradual das atividades econômicas.

Em nota emitida, na noite desta quarta-feira (3), o Governo do Estado ratificou que os critérios de saúde dos últimos sete dias mostram que a Baixada Santista apresenta índices que se delimitam na fase laranja. “A Baixada Santista sempre esteve na fase laranja, o que foi comprovado com números consolidados e reconhecidos pelo Estado. Respeitamos o Plano São Paulo e toda a burocracia exigida para a reclassificação, mas os nove prefeitos da região irão agir de acordo com a fase em que realmente estamos: a laranja”, frisa Barbosa.

Reunião com MP 

Nesta quinta-feira (4), o prefeito de Santos irá se reunir com representantes do Ministério Público Estadual para traçar a implantação do Plano Municipal de Retomada das Atividades Econômicas. A Prefeitura também irá discutir e alinhar o plano com os representantes dos setores do comércio. Vale frisar que, por enquanto, continuam valendo todas as medidas restritivas decretadas no Município para o enfrentamento da pandemia da Covid-19.



Endereço: Av. Adhemar de Barros, 1.347

Sala 27 B - CEP 11.430.003

Telefone: (13) 99716-5052

Email: jornaldacidadelitoral@gmail.com

contato Comercial