Buscar

CATADORES DE RECICLÁVEIS COM DIFICULDADES FÍSICAS GANHAM CARROÇA ELÉTRICA


O trabalho de catadores em grandes ou pequenas cidades do país é árduo. Diariamente, os trabalhadores carregam até centenas de quilos de recicláveis nas costas em jornadas de trabalho que costumam ir muito além das nove horas estabelecidas para trabalhadores formais amparados pelas leis trabalhistas.

Alguns deles ainda fazem isso com problemas de saúde que ficam ainda mais comprometidos pelo esforço físico extenuante. Para ajudá-los a ter um pouco mais de qualidade de vida, a ONG Pimp My Carroça criou o projeto Carroças do Futuro, que quer dar a esses trabalhadores carroças e triciclos automotivos que os ajudem no dia a dia.

A gestora do projeto, Adriane Andrade, contou que a ONG pesquisou iniciativas anteriores que pretendiam motorizar as carroças. Após reuniões com engenheiros e especialistas em gerenciamento de resíduos, a organização elaborou seis protótipos. Com as melhores qualidades de cada um deles, uma parceria com o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) permitiu o desenvolvimento de um modelo final.

O projeto já passou da fase de testes e agora vai passar por alterações de aprimoramento. Depois, o equipamento será testado nas ruas para que o time de desenvolvimento possa checar problemas ou alterações necessárias.

Por isso a ONG procura empresas que topem parcerias para custear a manutenção do projeto. A Nestlé entrou na parceria e comprou quatro carros que foram doados para catadores de São Paulo e do Guarujá.


#reciclagem #nestlé #cooperben #catadoresdeGuarujá

Endereço: Av. Adhemar de Barros, 1.347

Sala 27 B - CEP 11.430.003

Telefone: (13) 99716-5052

Email: jornaldacidadelitoral@gmail.com

contato Comercial