Buscar

APENAS 45% USAM MÁSCARAS CORRETAMENTE NA BAIXADA


Um estudo em cinco cidades da Baixada Santista revela que apenas 45% das 12.588 pessoas observadas nas ruas usam máscaras faciais de forma correta, ou seja, ajustadas e cobrindo o nariz e a boca.

O restante (55%) transitava sem proteção ou usava incorretamente a máscara, o que aumenta o risco de contaminação pelo novo coronavírus

Segundo modelos matemáticos feitos nos EUA, é preciso que mais de 80% das pessoas usem adequadamente máscaras faciais para que haja algum controle na disseminação da Covid-19.

A Baixada Santista já ultrapassou 19 mil casos de Covid-19 e soma ao menos 844 mortes. Está na fase laranja do plano paulista de relaxamento das medidas de isolamento, em que podem funcionar, com capacidade limitada, shoppings, comércio de rua e serviços em geral.


Pesquisa

A pesquisa de campo foi feita por cinco estudantes de medicina da Universidade São Judas Tadeu. O trabalho foi submetido à revista científica The Lancet.

É um dos primeiros estudos a medir o uso de máscaras faciais na vida real durante a pandemia. Foi feito de 17 a 19 de junho de 2020 nas principais avenidas de Santos, São Vicente, Cubatão, Guarujá e Praia Grande.

Por três dias consecutivos, por um período de uma hora, o mesmo pesquisador ocupou o mesmo local na mesma rua, observando e registrando o comportamento das pessoas em relação ao uso de máscaras.

Do total de pessoas observadas, 15,5% não usavam máscara; 24,9% estavam com o acessório, mas expuseram a boca e/ou nariz; 17,8% tocaram a máscara durante o uso, e 6,5% a utilizava de forma mal ajustada.


#BaixadaSantista #Covid19 #Santos #SãoVicente #Cubatão #PraiaGrande #Guarujá

Endereço: Av. Adhemar de Barros, 1.347

Sala 27 B - CEP 11.430.003

Telefone: (13) 99716-5052

Email: jornaldacidadelitoral@gmail.com

contato Comercial