Buscar

VELÓRIO E ENTERRO - VIRGÍNIA

VELÓRIO E ENTERRO

O VELÓRIO de Virginia Tavares Ferraz Ramos (esposa do prof. Claudio Fernando), de 38 anos, vítima de tentativa de assalto, na avenida Miguel Alonso Gonzáles, no Jardim Las Palmas, onde possuía comércio - será na Vila Júlia, hoje, a partir das 18:00 horas (Endereço: Rua Silvio Rolim s/nº, Vila São Miguel) – o enterro será amanhã (QUARTA) por volta das 9:30 horas

Nossos sentimentos para Claudio Fernando e familiares

ENTENDA O QUE ACONTECEU

Pai de esposa de ex-candidato ao governo de SP lutou com bandido após ver filha baleada: 'Miserável'

Ela morreu no Hospital Santo Amaro. Prof. Claudio Fernando (PMN) se pronunciou sobre a morte da esposa nesta terça-feira.

O pai da advogada Virginia Tavares Ferraz Ramos, Walter Antonio Ramos, presenciou o momento que a filha foi atingida por tiros durante uma tentativa de assalto em Guarujá, no litoral de São Paulo. Ele lutou com o bandido que atirou nela e conseguiu detê-lo. Virginia era esposa do ex-candidato a Governador do Estado de São Paulo, Claudio Fernando Aguiar, o Prof. Claudio Fernando (PMN), que também se pronunciou sobre a morte da esposa.

Nesta segunda-feira (3), Virginia foi a uma agência bancária para sacar uma quantia em dinheiro e, depois, seguiu para a esmalteria dela, localizada na avenida Miguel Alonso Gonzáles, no Jardim Las Palmas. Quando ela estava chegando no local, Virginia foi abordada por um homem, que anunciou o assalto. Walter conta que abriu a porta do estabelecimento e escutou três tiros.

“A menina (Virginia) estava jogada ali. Ele me deu dois tiros e, graças a Deus, eu consegui pegar ele. Ele vai arder. Eu só consegui pegar ele porque ele tentou agarrar a bolsa dela. Ela deu R$ 850 para ele. Ele tentou pegar a bolsa quando eu me atraquei com ele na moto. Ele, miserável, jogou o dinheiro e disse que eu estava roubando. Os populares ajudaram. A Polícia foi excelente, chegou na hora. E, nós conseguimos deter aquele marginal, nojento, cachorro”, disse ele.

Dois disparos acertaram Virgínia, um na cabeça e outro no pescoço. Ela foi levada para o Hospital Santo Amaro, mas durante o procedimento cirúrgico, sofreu três paradas cardiorrespiratórias e morreu. A Polícia Militar conseguiu prender um dos criminosos, mas outros dois homens, que estariam envolvidos no crime, ainda não foram encontrados.

O pai dela ainda disse que Virginia estava em um momento muito feliz já que o filho dela tinha passado na Universidade Federal do Pampa (Unipampa), em Alegrete, para cursar Engenharia de Telecomunicações. "Hoje ela estaria indo para lá fechar o contrato na imobiliária. Eu me atraquei com aquele miserável. Eu não tive forças para matá-lo. Se eu tivesse, eu teria feito”, falou.

Marido de Virginia, o ex-candidato ao Governo do Estado, Claudio Fernando, passou a manhã organizando o velório e enterro da mulher. Por meio de nota, ele falou como está sendo viver esse momento de dor pela perda de Virginia.

"Este é um momento que jamais imaginamos viver. A minha esposa sempre viveu de maneira simples e alegre e saber que não teremos mais como contar com esta energia é simplesmente devastador. Obrigado a todos que enviaram mensagens de apoio, nossa família agradece e pedimos também que respeitem este momento tão doloroso que estamos passando”, disse, em nota.

O velório ocorrerá no Cemitério da Saudade, na Vila Júlia, a partir de 18h30. Já o enterro será nesta quarta-feira (5), por volta de 9h30, no mesmo local. (Fonte G1)