Buscar

VEREADOR QUER COMISSÃO PAR A APURAR ATENDIMENTO IRREGULAR NO IML DE GUARUJÁ


A Câmara de Vereadores de Guarujá vai apurar as reclamações sobre o atendimento do Instituto Médico Legal (IML) da cidade. Está pautado para a sessão legislativa da próxima terça-feira (09), o Projeto de Resolução 07/2019, de autoria do vereador Luciano Tody (MDB), que propõe a criação de comissão parlamentar para apurar os motivos que têm inviabilizado o atendimento regular do órgão.

A principal queixa é o fato de o IML realizar procedimento de necropsia somente às segundas, terças e quintas-feiras, no período da tarde. Familiares que dependem do serviço fora do período têm os corpos dos entes encaminhados ao IML de Santos.

Além de atrasar os procedimentos funerários, segundo o parlamentar, o traslado gera custos à Prefeitura de Guarujá, já que é a Administração quem arca com o deslocamento para a cidade vizinha.

"Essa situação tem gerado gastos desnecessários ao Município. A viatura tem que levar os corpos para Santos e retornar ao Guarujá, tendo depois que ir novamente para Santos e assim trazer de volta os corpos, para sepultá-los”, explica o vereador.

Caso o projeto seja aprovado pelo plenário, cinco vereadores serão designados para compor a comissão, que terá prazo de 180 dias para realizar os trabalhos. Ao longo desse período, o grupo deverá ouvir representantes do Instituto Médico Legal de Guarujá e da própria Prefeitura. Ao final, um relatório será produzido e analisado pelo plenário da Casa de Leis, que por sua vez definirá as medidas legais cabíveis.

Endereço: Av. Adhemar de Barros, 1.347

Sala 27 B - CEP 11.430.003

Telefone: (13) 99716-5052

Email: jornaldacidadelitoral@gmail.com

contato Comercial