Endereço: Av. Adhemar de Barros, 1.347

Sala 27 B - CEP 11.430.003

Telefone: (13) 99716-5052

Email: jornaldacidadelitoral@gmail.com

contato
  • JORNAL DA CIDADE LITORAL

BASTIDOR POLÍTICO


O estelionato eleitoral da ponte/túnel

O não cumprimento da promessa da ponte (túnel) por políticos há mais de meio século resulta nas quilométricas filas vistas no último feriado, que prejudicam a imagem da cidade e comprometem de forma grave a mobilidade urbana. Na verdade o tema (ponte-túnel) é, até o momento, o maior estelionato eleitoral do Litoral. Já elegeu e reelegeu vários políticos sem compromisso com a população da Região. Aproveitadores. Espera-se que com Dória seja diferente.

Foi preso Um funcionário da Prefeitura de Guarujá (e morador) foi preso na operação da Polícia Civil “Luz na Infância”. Ele é suspeito de armazenar e compartilhar material de pornografia infantil. A prisão aconteceu em São Carlos onde o acusado estava com a delegação dos Jogos Abertos do Interior.

Unaerp Uma fonte confiável da PMG nos informou e o site do Jornal da Cidade divulgou, em primeira mão, que a Prefeitura deve convocar uma “Audiência Pública” para discutir a relação da Unaerp com o Município de Guarujá nas próximas semanas.

Unaerp 2 A universidade ocupa terreno e prédio públicos com localização privilegiada na Enseada. Por estar em área nobre, o campus onde funciona hoje a Unaerp poderia ser ocupado por órgãos públicos que atualmente pagam aluguéis caríssimos. A economia com aluguéis, segundo a própria prefeitura, seria de R$ 7.2 milhões por ano.

Unaerp 3 Independente do contrato ter sido ou não renovado, a prefeitura pode, por direito, “romper o contrato de forma unilateral”. Para não prejudicar os alunos, a Prefeitura abriria prazo para a Unaerp alugar ou comprar terreno e construir seu campus, como fazem as universidades particulares. Sem privilégios, e pagando os impostos e aluguéis que a lei e o mercado mandam.

Unaerp 4 A demora de uma decisão da PMG sobre a questão da Unaerp, que foi amplamente debatida durante as eleições, pode prejudicar a atual administração. Afinal, a população sabe que por anos, a Unaerp deu bem menos de 20 bolsas gratuitas anuais, em troca pela ocupação de toda aquela área pública da universidade.

Unaerp 5 Sobrou coragem por parte da PMG para licitar e colocar uma nova empresa de transporte público na cidade. Entretanto, está passando do tempo (ou demorando demais) para uma decisão sobre o contrato da Unaerp, que continua utilizando terreno e prédio públicos sem pagar IPTU nem aluguel. Em valores atuais, nos últimos dez anos, pelas contas da própria PMG, a cidade deixou de economizar R$ 72 milhões com o prédio. Até quando?

Prolongamento Com a possibilidade do prolongamento da avenida D. Pedro, seria ainda mais urgente a retomada do prédio da Unaerp por parte da PMG. Afinal, o local poderá ser usado para levar serviços públicos e incentivar o desenvolvimento econômico daquela região.

Mais médicos A prefeitura e a secretaria de Saúde de Guarujá trabalham para que o impacto da saída dos médicos (ou enfermeiros?) cubanos do Projeto Mais Médicos, do governo federal, prejudique o menos possível a população.

Mais médicos 2 Para isso, fez remanejamento de pessoal e já faz gestão junto ao Ministério da Saúde para que os novos médicos que aderirem ao “Mais Médicos” substituam os postos vagos rapidamente.

Mais médicos 3 Qual seria o verdadeiro motivo da saída dos médicos cubanos do Brasil, às pressas, antes do novo governo federal assumir? Isso ainda vai dar o que falar.

Nos bairros O prefeito Válter Suman (PSB) está sempre em Vicente de Carvalho vistoriando obras e conferindo de perto a zeladoria, capinação, desobstrução de boca de lobo, tapa buracos... O prefeito já deixou claro várias vezes que prefere ficar nas ruas do Distrito do que no seu Gabinete na PMG.

Poucos sabem... Mas o atual secretário adjunto de Governo, Alex Monteiro, já foi vereador no município de Porto Belo, em Santa Catarina. Alex é nascido e criado em Guarujá, na Santa Rosa.

Sem arrastão

Em nota enviada ao JC o comandante do 21º BPMI (Guarujá, Cubatão e Bertioga) coronel Luiz Fernando Stefani disse que “não é possível afirmar que houve um arrastão em Guarujá, e sim uma tentativa isolada de roubo, frustrada pela rápida ação dos policiais militares que estavam posicionados ao longo da Avenida Vereado Lídio Martins Correia”.

Sem homicídios O coronel segue afirmando que Guarujá, “em prévio levantamento estatístico de comparação com o mesmo período do ano anterior, o período de 15 a 20 de novembro do corrente ano, sofreu uma redução nos índices de roubos diversos, e furto e roubo de veículos, mantendo-se, ainda, o número de vítimas de homicídios em zero”.

Ponte - túnel Há décadas a população da região, especialmente a de Guarujá e Santos, ouve falar sobre a “ponte - túnel” que ligaria as duas cidades e a Baixada Santista e Litoral como um todo.

Ponte - túnel 2 Só nos governos do PSDB (Mário Covas, José Serra, Geraldo Alckmin...) já se vão 25 anos de muitos projetos, inaugurações de maquetes, publicações oficiais pagas na imprensa e muito blá-blá-blá.

Esperança? Em campanha, o governador eleito, João Dória, também do PSDB, prometeu a ponte (túnel) em vídeos e entrevistas. Como ele possui boa relação com a iniciativa privada, ainda pode-se ter a esperança de ver o projeto realizado?

Aguardemos.

Editorial Uma reconstrução permanente

Guarujá é a cidade da Baixada Santista que teve maior número de médicos cubanos desligados do Programa Federal “Mais Médicos”. O Município teve que reagir rapidamente para que os profissionais sejam repostos nas unidades de saúde da família, para manter a assistência aos cidadãos e assim não desestruturar um sistema que está em pleno processo de reestruturação: Saúde do Município.

Em várias edições temos noticiado as mudanças estruturais e reforços na área da saúde, essa semana um novo equipamento foi inaugurado - o Siad (Serviço de Internação e Assistência Domiciliar). Cabe a nós, cidadãos guarujaenses, entendermos que esse processo de preenchimento das vagas dos novos médicos, poderá causar algum desconforto. Entretanto, conforta saber que o poder público vem trabalhando e tentando sanar problemas históricos na área da saúde.

Na mesma perspectiva, o Turismo de Guarujá vem obtendo reconhecimento nacional e internacional em forma de certificação como destino turístico, concorrendo a prêmios, buscando atrair turistas estrangeiros e investindo em atrativos. Por isso, é fundamental a postura da Policia Militar de refutar o termo “arrastão” que foi equivocadamente utilizado na mídia regional. São muitas lutas para reconstruir uma história de sucesso e atrair de novo o turista e toda geração de emprego e economia, que vem no pacote, não podemos regredir.

#2018 #operaçãoLuzdaInfância #FundoSocialdeSolidariedade #prefeitura #renovaçãocontrato #UNAERP #ADMINISTRADORAEMGUARUJÁ #VICENTEDECARVALHOVC #jornaldacidade

8 visualizações