Buscar

DIREITO PREFERENCIAL PARA AUTISTAS

Guarujá aprova lei que garante

atendimento prioritário para Autista

Estabelecimentos vão precisar se adequar à nova regra

A Prefeitura de Guarujá, por meio da Assessoria de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência, ligada à Secretaria de Coordenação Governamental, começa nesta quinta-feira (3), a oficializar os estabelecimentos públicos e privados do Município a inserir nas placas de atendimento prioritário o símbolo mundial do Transtorno do Espectro Autista (TEA), conforme a Lei Municipal nº 4.376/2017.

A lei foi sancionada pelo prefeito Válter Suman, no início do mês de abril. Neste primeiro momento, a equipe da Assessoria vai visitar os supermercados, bancos, farmácias e lojas em geral para informar sobre a nova regra e as adequações necessárias.

Para muitos autistas, a demora pode ser incômoda desencadeando até mesmo uma crise de ansiedade. A lei vem garantir o atendimento preferencial, assim como acontece com idosos, gestantes, pessoas com deficiência e de mobilidade reduzida.

“É uma preocupação da Secretaria de Governo garantir os direitos das pessoas com deficiência e esse é um importante passo para a inclusão e dignidade das pessoas com autismo”, declarou o assessor de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência, Valdinei Santos.

TEA

O Transtorno do Espectro Autista (TEA) engloba diferentes síndromes marcadas por perturbações do desenvolvimento neurológico com três características fundamentais, que podem manifestar-se em conjunto ou isoladamente. São elas: dificuldade de comunicação por deficiência no domínio da linguagem e no uso da imaginação para lidar com jogos simbólicos, dificuldade de socialização e padrão de comportamento restritivo e repetitivo.