Buscar

NOVA EDIÇÃO DO JORNAL DA CIDADE


Batalhão do 21º BPM-I deve ser

construído na praia da Enseada

Equipamento de segurança será construído em 15 meses, na Enseada, com investimento da iniciativa privada

Na última terça-feira (20), aconteceu o fechamento de um acordo para a construção da futura sede do 21º Batalhão da Polícia Militar, na Enseada. Após o início da obra, a expectativa é a de que a construção seja concluída em 15 meses.

Para o coronel Luiz Fernando Stefani, comandante do 21º BPMI a construção do novo batalhão deve " trazer mais segurança para a Enseada, além de abrigar também a 5ª Companhia, que retorna para o bairro. O novo ambiente será melhor para o policial, mais digno e terá espaço para ensino e aperfeiçoamento de todos. Isso deverá refletir no desempenho dos agentes de segurança nas ruas da cidade”.

A reunião contou com a presença do prefeito Válter Suman, representantes do Ministério Público, Polícia Militar, empresa Sobloco, Associação Comercial e Empresarial de Guarujá (Aceg), Instituto de Segurança Socioambiental (ISSA), secretários municipais, entre outras autoridades.

O próximo passo será a formalização de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), para que a obra possa começar. Durante o encontro foram definidas diretrizes do futuro Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), que deve ser assinado nas próximas semanas. A Sobloco entregou ao prefeito o projeto executivo da obra.

Para o prefeito, trata-se de uma reunião histórica. “É uma comunhão de forças da sociedade civil organizada que irá viabilizar esse importante equipamento de segurança, tão esperado por nossa comunidade”, disse Suman.

O promotor de Justiça Osmair Chamma Júnior participou da reunião e está acompanhando as tratativas para a construção do batalhão, que terá investimentos de cerca de R$ 6 milhões. Desse total, R$ 3,5 milhões serão da Sobloco, R$ 1,5 milhão da Unoeste e R$ 1,2 milhões será viabilizado pela Prefeitura, proprietária da área onde será o equipamento.

............

Obras do Restaurante Popular estão

com 70% dos serviços executados

As obras de reforma e ampliação do Restaurante Popular do bairro Santo Antônio, que fica na Alameda das Violetas, 330, já estão com 70% dos serviços executados. O equipamento conta com investimentos da União, por meio da Caixa Econômica Federal, na ordem de pouco mais de R$ 350 mil. A previsão da Prefeitura é entregar o equipamento até o final de março.

De acordo com a Secretaria de Infraestrutura e Obras (Seinfra), que coordena os trabalhos no local, já foram executados todos os serviços de alvenaria, pintura, revisão de cobertura, elétrica, hidráulica e acabamento do forro do salão principal, faltando agora a colocação de portas, janelas, louças e metais. O prédio também foi ampliado na parte da cozinha, banheiros e vestiários para os funcionários.

Inaugurado em 2009 com verba do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), o Restaurante Popular do Santo Antônio foi o segundo construído em Guarujá. Além do Santo Antônio, há mais dois equipamentos no Município: o Restaurante Alimenta Cidadão, que fica na Rua Tibério Birolini, na Enseada e o Bom Prato, em Vicente de Carvalho, que serve diariamente 150 cafés da manhã e 1.200 refeições, na Avenida Áurea Gonzalez Conde, 47, na Vila Áurea.

Endereço: Av. Adhemar de Barros, 1.347

Sala 27 B - CEP 11.430.003

Telefone: (13) 99716-5052

Email: jornaldacidadelitoral@gmail.com

contato Comercial