Buscar

Santo Amaro vai virar hospital-escola para formar médicos


O Hospital Santo Amaro (HSA) acaba de firmar parceria com a Universidade do Oeste Paulista (Unoeste), de Presidente Prudente, considerada a quarta melhor faculdade particular do Estado de São Paulo, conforme o Índice Geral de Cursos (IGC). A partir do acordo, a instituição vai se tornar um hospital-escola para formar alunos de medicina. A informação foi dada por Urbano Bahamonde Manso, diretor-presidente da Associação Santamarense de Beneficência do Guarujá (ASBG), mantenedora do HSA.


“A parceria com Unoeste é um grande projeto que estamos conseguindo materializar no Guarujá. Todo esse conjunto tem a finalidade de transformar o Santo Amaro em hospital de ensino. Vamos formar médicos. Feito isso, nosso credenciamento no MEC (Ministério da Educação), em parceria com o Ministério da Saúde, permite que o Santo Amaro atinja um grau acima na hierarquia de hospitais, fazendo jus ao recebimento maior de verba”, explica Manso.


Segundo ele, esse aporte, em torno de R$ 300 mil mensais, garantirá melhor atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS), respeitando a vocação benemerente do hospital. “O Santo Amaro foi construído por Dom Domênico para atender as pessoas carentes da cidade e a gente segue neste propósito”.


Manso afirma que a chegada da faculdade vai provocar um crescimento “sem precedentes” no nível interno do hospital. “Vamos ter professores, coordenadores, preceptores e alunos, todos desenvolvendo práticas na área do SUS”, disse ele, garantindo que o paciente do Sistema Único de Saúde passará a ter um ganho “fantástico” na atenção médica.


Centro de hemodinâmica


Mas as novidades não param por aí. Um segundo projeto, desta vez envolvendo a participação de um grupo de empresários, vai possibilitar investimentos no setor de convênio médico. O atendimento dos pacientes com plano de saúde passará a ser feito em um novo hospital, que ganhará o nome de Dom Domênico e funcionará dentro da área construída do próprio Santo Amaro.


Essa parceria com a iniciativa privada visa melhorar a assistência na alta complexidade do hospital, que corresponde aos setores de traumato-ortopedia, nutrição e neurologia. Ainda dentro dos procedimentos complexos, o serviço de saúde vascular vai ser beneficiado também e ganhará um centro de hemodinâmica.


O projeto conta com o suporte da Prefeitura. “O prefeito Valter Suman tem dado apoio ao Santo Amaro, está sensível e envolvido com os problemas e questões do hospital. Nos ouve, analisa as nossas pretensões e tem avaliado nossos números”, disse Manso


Ele prossegue: “E essa questão da hemodinâmica é uma dívida que o poder público tem há muitos anos com a população. E nós vamos honrar muito em breve, mas ainda não sei precisar a data. Porém, vamos caminhar nesse sentido e disponibilizar uma área para instalar a hemodinâmica”, garante. “E o que é mais importante: o serviço vai atender não só plano de saúde, mas o SUS também”.


O diretor-presidente frisa que todas essas mudanças e investimentos têm como objetivo final ampliar e melhorar o atendimento público, mantendo todos os leitos do Santo Amaro restritos aos pacientes do SUS, o que garante uma segunda fonte de renda para o hospital. Um programa do Governo Federal, via Ministério da Saúde, repassa às instituições hospitalares que dedicam 100% dos seus leitos ao Sistema recebe um aporte financeiro destinado à média e alta complexidade, também em torno de R$ 300 mil por mês.


“Guarujá vai viver novos tempos, não só o Santo Amaro, mas toda sua rede pública”, prevê Manso com entusiasmo.

Endereço: Av. Adhemar de Barros, 1.347

Sala 27 B - CEP 11.430.003

Telefone: (13) 99716-5052

Email: jornaldacidadelitoral@gmail.com

contato Comercial